Dica para uma reforma de sucesso! Acessórios para banheiro parte 02

Hoje iremos falar sobre esses itens que são essenciais no banheiro: chuveiro, registro e a ducha higiênica.

Com o passar dos anos podemos observar que muitos produtos sofreram alterações e inovações, o chuveiro é um deles. Acompanha o post que iremos mostrar os os diversos tipos de chuveiros encontrado no mercado.

Ducha Fria

A ducha fria tem uma pressão maior e mais intensa. Para isso é necessário planejar ainda em projeto arquitetônico sua instalação, pois é preciso considerar a distância da caixa d'água. É importante lembrar que a ducha não esquenta a água, por isso, ela necessita de um aquecedor solar, a gás ou boiler caso você deseje outras temperaturas.


Nesse modelo, a ducha de mão é um acessório que pode ser comprado a parte.


Sistema a gás

O chuveiro a gás necessita de um sistema hidráulico com tubulação específica para o seu funcionamento, pode ser utilizado em casas e apartamentos. Esse modelo permite uma vazão maior de água quente, porém consome muita água, em média 8,7 litros por minuto.


Chuveiro Elétrico

O chuveiro elétrico é aquele mais comum encontrado nas residências e apartamentos, esse modelo consta com um sistemas de multitemperaturas, onde a regulagem da temperatura é no próprio chuveiro. Como esse chuveiro tem o funcionamento por resistência o gasto da conta de energia pode ser alto, atente-se a isso na hora de escolher o seu.


Chuveiro Eletrônico

Esse modelo é bastante confundido com o chuveiro elétrico, mas o que os difere é o seu ajuste de temperatura. No elétrico, para fazer a troca da água fria para quente ou vice-versa, é necessário desligar o chuveiro e assim mudá-la, enquanto o eletrônico permite essa mudança com o chuveiro ligado sem o risco de ocasionar choques, sendo possível fazer uma personalização da temperatura do jeito que você preferir.

Chuveiro Híbrido

Essa é uma ótima opção para quem quer economizar energia, porém, é necessário ter um sistema que capta energia solar na residência. O seu funcionamento é simples, ao acioná-lo a água é aquecida por sua resistência elétrica e quando atinge uma temperatura ideal, a resistência é desligada e o aquecimento acontece com a energia solar, o que gera economia. E é dai que vem o nome híbrido, pois esse modelo tem dois modos de funcionamento.



Chuveiro com pressurizador ou pressurizador de água

Esse modelo é recomendado para quem não tem a caixa d'água longe do local da instalação do chuveiro, pois quanto mais o chuveiro estiver perto da caixa menor será a pressão, então se você deseja um jato mais forte de água o ideal é comprar o chuveiro com pressurizador. Se caso seu chuveiro não tenha o pressurizador, você tem a possibilidade de instalar a parte diretamente na caixa d' água ou diretamente em seu chuveiro nos modelos Lorenzetti.


Sistema Termostático

A Válvula termostática garante controle total da temperatura, protegendo contra qualquer mudança brusca no caudal de água no seu chuveiro. Por exemplo, se alguém abrir a torneira da cozinha ou dar descarga enquanto você está no banho, a temperatura do seu chuveiro permanecerá a mesma sem aquelas alterações de temperatura que causam desconforto.


Falamos de uma forma geral dos modelos existentes e seus sistemas de instalações, mas é importante ressaltar que é possível encontrar a ducha em versões digitais, para teto ou parede, com acabamentos e designs diferentes, já os chuveiros elétricos, híbridos e eletrônicos são mais limitados na questão de acabamentos e design, a principal diferença entre eles é o seu custo, a ducha acaba tendo um valor mais elevado. A escolha de todas essas características varia de acordo com a composição dos outros itens e o sistema hidráulico da sua residência. Por isso que aqui no escritório nós sempre alertamos aos nossos clientes como é importante pensar nesses detalhes desde a primeira etapa do projeto.


E quando o assunto é chuveiro, não tem como não lembrar daquele objeto que o acompanha, o registro. Existem dois tipos de registro que são instalados no banheiro e algumas pessoas acabam os confundindo, então vamos esclarecer essa dúvida de forma clara e objetiva para que não haja mais essa confusão.

Registro de pressão: peça hidráulica que tem a função de controlar o fluxo de água perto do ponto de uso, ou seja, serva para controlar a vazão. São utilizadas na instalação de chuveiros e torneiras.


Registro de gaveta: também conhecido como registro geral, essa peça é utilizada para bloquear por completo a passagem de água em caso de manutenção ou vazamentos. Esse registro precisa ser instalado próximo ao seu respectivo ponto de uso, então isso quer dizer que cada circuito hidráulico precisa do seu registro.


OBS: temos o terceiro, que não fica aparente no ambiente mas é muito importante, o registro de esfera, esse modelo é utilizado para instalações em caixas d'água, isso porque ele é mais resistente que os demais.




Fácil né? Agora você tira de letra qual a diferença entre eles, e apesar de ser um item mais "técnico", ele também deve ser levado em consideração no início do projeto para definir o seu posicionamento no ambiente e a escolha da composição do acabamento e design com os outros metais do banheiro, então não o deixe para última hora.

Por fim, vamos falar sobre a ducha higiênica, a substituta do famoso bidê. Esse acessório é utilizado para a higienização das partes íntimas, talvez algumas pessoas não saibam mas o uso da ducha é recomendada pelos médicos por ser mais segura que o papel higiênico, que pode agredir a pele.


É possível encontrá-la em três modelos, a ducha higiênica convencional que precisa apenas do sistema hidráulico e só tem a saída de água fria. Depois, a ducha elétrica, que necessita da energia para funcionar e permite a saída de água aquecida e a ducha com misturador, ela conta com aquele mesmo funcionamento das torneiras, possui água quente e

fria e é possível fazer a regulagem dela.

Na hora de escolher o modelo da sua, leve em conta a estética geral do banheiro e os outros metais, mas também o tamanho do ambiente, o ponto de saída da água e qual a pressão que o acessório irá aguentar.





Se você está pensando em construir ou reformar, entre em contato conosco para realizar esse sonho!



Atenção: Ao pensar na composição do seu banheiro precisamos levar em consideração as escolhas de todos estes itens, pois a passagem elétrica, hidráulica e medidas precisam ser planejada com antecedência e lembre-se sempre de contratar profissionais especializados para a mão de obra de todos esses acessórios.






29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo